Image for post
Image for post
Lluis Quiles Ardila | Data & Analytics Director | everis Brasil

Blockchain a plataforma que pode potencializar a Inteligência Artificial

Nos próximos anos a utilização de aplicações de Inteligência Artificial aumentará de forma exponencial, e o uso destas capacidades será extensível a todos os campos. Atualmente, ainda existem algumas barreiras para que este aumento seja factível. Há alguns anos já ocorre a aposta na plataforma Blockchain como um dos aceleradores para multiplicar a oferta e potencializar a demanda de capacidades de IA de forma generalizada.

Como indica o estudo O impacto da Inteligência Artificial no Empreendimento na América Latin) realizado pela everis e Endeavor, as principais dificuldades para o crescimento da IA na América Latina são:

  • Escassez de talento especializado em IA. O mercado de trabalho carece de profissionais com o tipo de conhecimento técnico necessário para desenvolver estas soluções.

Blockchain

A Blockchain é uma tecnologia idealizada por Satoshi Nakamoto em 2008 como a plataforma que suportaria o Bitcoin, uma moeda digital caracterizada por ser altamente segura, com gestão descentralizada, plataforma distribuída, sem intermediação e com oferta finita. Por suas propriedades, a Blockchain se posicionou como a plataforma idônea para materializar os Smart Contracts, uma ideia postulada por Nick Szabo em 1994. Como consequência, a Blockchain é uma das tecnologias mais promissoras e um grande receptor de investimentos.

A Blockchain pode revolucionar um grande conjunto de indústrias. A seguir, alguns exemplos:

  • Energia, democratizando o trading energético.

Inteligência Artificial no ecossistema da Blockchain

As iniciativas existentes que estão trabalhando com IA e Blockchain estão divididas em dois tipos: Plataformas Concorrentes e Grandes Depósitos de IA, detalhadas a seguir:

Plataformas Concorrentes

Existem diversos projetos em formato startup que estão trabalhando com tecnologia Blockchain para criar plataformas concorrentes de IA descentralizadas. Por exemplo, a plataforma Danku de Algorithmia desenvolvida sobre Ethereum, que possui um objetivo similar a Kaggle.

Kaggle, fundada em 2010 e comprada pela Google em março de 2017, é a maior comunidade de data scientists, com mais de um milhão de participantes. O principal objetivo é servir de plataforma para a realização de capacidades de machine learning, na qual uma organização ou empresa publica um desafio, e o concorrente com o melhor resultado ganha um prêmio em dinheiro. Este continua sendo o core da plataforma, embora também realize funções de plataforma educativa, repositório público de bancos de dados e inclusive um workbench para data science.

A Danku, diferentemente da Kaggle, está construída sobre tecnologia Blockchain. Cada uma das capacidades é publicada em formato smart contract e cada contrato está construído por dados, função de avaliação e a recompensa em dinheiro. Cada concorrente envia sua rede neural, a plataforma realiza a sua análise utilizando a função de avaliação e finalmente envia o prêmio para o concorrente com o melhor modelo.

As plataformas concorrentes são uma alternativa potente para adquirir talento sempre que o caso de uso esteja bem definido e seja determinante para o caso conseguir um modelo com alta precisão. Estes marketplaces do talento acabarão desenvolvendo um mercado global para os profissionais e empresas de Deep Learning, atendendo melhor a demanda futura e potencializando a criação de melhores aplicações de IA.

Grandes Depósitos de IA

Existe outro tipo de iniciativas que organizam marketplaces descentralizados em torno da IA. O objetivo de cada uma das plataformas é heterogêneo, com propósitos de compartilhar informação, compartilhar capacidades de computação ou integrar os modelos de ML dentro da Blockchain. As mais ambiciosas se propõem a organizar grandes ecossistemas nos quais os participantes da comunidade de IA possam atender suas necessidades:

  • Provedores de dados: graças ao seu nível de codificação, a Blockchain é perfeita para guardar informação sensível assim como suporte para que indivíduos e entidades públicas possam trocar informações. O uso do Smart Contracts e a execução de modelos de Machine Learning dentro da Blockchain garantem que a informação seja utilizada pelo consumidor da forma acordada.

Existem experiências sobre Ethereum que permitem treinar e inferir modelos de Machine Learning dentro da plataforma utilizando as principais bibliotecas, como TensorFlow, Pytorch, Caffe, etc. Estes modelos poderiam ser utilizados de fora da plataforma ou de forma transparente por smart contracts ativos no próprio ambiente.

  • Provedores e Consumidores de capacidade de computação para IA: a IA é um grande consumidor de capacidade computacional. Por isso, para o desenvolvimento da IA é essencial poder dispor da capacidade computacional necessária em cada momento por um custo razoável. Desta forma, a Blockchain permite que provedores ofereçam a capacidade restante ao marketplace, dando todas as garantias aos consumidores de segurança e privacidade, associando via Smart Contract e moeda digital o pagamento pelo uso.

Existem experiências sobre o Ethereum com este formato que permitem o seu uso não somente como CPU, mas também como GPU.

  • Consumidores de dados: em muitos casos, a barreira para chegar ao estado de arte de um modelo ou viabilizar aplicações de IA é não ter acesso ao volume de informação necessário.

Com frequência por zelo, pelas normativas de compliance e proteção de dados, é difícil que as empresas ou órgãos públicos estejam dispostos a compartilhar a informação de forma aberta. A utilização de plataformas Blockchain e a evolução da Encriptação Homomórfica permitirá que os modelos possam ser aprendidos de forma segura, tendo acesso a informação codificada, de forma que o modelo será beneficiado de grandes bases de dados sem colocar em risco a confidencialidade da informação.

Estes ecossistemas de IA poderão potencializar o crescimento do seu uso. A força destas plataformas está na criação de uma comunidade que transmite a confiança necessária para que os atores citados participem, criando uma oferta de dados, facilitando que o talento acesse a demanda, criando plataformas de Machine Learning as a service seguras, multiplicando a oferta de capacidade de computação, etc.

Existe uma grande variedade de startups em diferentes fases de evolução que estão trabalhando com tecnologia Blockchain, com o objetivo de constituir ecossistemas para ofertar serviços de IA em Dados como, por exemplo, Ocean Protocol, DX Network, SingularityNet, Deep Brain, Cortex, Consensus ou Golem.

Voltando ao estudo do Impacto da Inteligência Artificial no Empreendimento na América Latina(1) realizado pela everis e Endeavor, o estudo indica que os principais desafios para o desenvolvimento da IA é a baixa adoção da tecnologia e o baixo nível de investimento que foram indicados como primeiro desafio, respectivamente, por 39% e 33% dos entrevistados. A maior barreira para a adoção da IA está em demonstrar o valor que esta tecnologia agrega ao negócio e ensinar a forma correta de utilizá-la para obter bons resultados, sendo que quando superadas estas barreiras, os investimentos acontecerão de forma natural.

As plataformas de IA sobre Blockchain serão muito importantes para a expansão da IA, embora para que grandes comunidades representativas do mundo empresarial se reúnam ao redor destas plataformas, primeiro será necessário trabalhar para que as organizações aprendam a utilizar a IA.

Written by

Exponential intelligence for exponential companies

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store